Justiça proíbe Maiara e Maraísa de usarem o nome 'As Patroas'

Entenda aqui o caso!

Sua Música

Segunda, 13/06/22 às 18:15

COMPARTILHE:

Sem dúvida alguma o projeto As Patroas, formado por Maiara e Maraísa e pela eterna Marília Mendonça, é um dos mais bem sucedidos da música brasileira desde o início de 2021. Com lives, músicas de sucesso e clipes que ganharam milhões de visualizações, ele sempre foi bastante promissor. Com a morte de Marília, uma turnê com o mesmo nome, que também iria acontecer, acabou sendo cancelada. Agora a justiça proibiu a dupla de seguir usando o nome.

- Mais notícias

De acordo com o colunista Lucas Pasin, a decisão Argemiro de Azevedo Dutra, juiz substituto, da 2ª Vara Empresarial de Salvador-BA, proíbe qualquer tipo de uso para nomes como "A patroa" ou "As patroas", sob pena de multa de R$100 mil a cada utilização.

A proibição aconteceu após a cantora baiana Daisy Soares alegar e comprovar ser dona da marca "A Patroa", nome com o qual vem se apresentando desde 2013. Ela também já tem os direitos da marca desde 2017. Ela também diz que tentou entrar em acordo com os então empresários da cantora Marília Mendonça, mas sem sucesso.

(Reprodução/Instagram @maiaraemaraisa)

Até o momento as cantoras e o escritório Work Show ainda não sofreram uma sentença definitiva, podendo recorrer da decisão.