Morre Elza Soares

Cantora tinha 91 anos

Sua Música

Quinta, 20/01/22 às 18:09

COMPARTILHE:

Nesta quinta-feira (20), no Rio de Janeiro, morreu a cantora Elza Soares, aos 91 anos. A cantora faleceu por causas naturais e a notícia foi dada através de uma nota oficial publicada em seu perfil, assinada pelos familiares de artista.

Confira abaixo!

É com muita tristeza e pesar que informamos o falecimento da cantora e compositora Elza Soares, aos 91 anos, às 15 horas e 45 minutos em sua casa, no Rio de Janeiro, por causas naturais. Ícone da música brasileira, considerada uma das maiores artistas do mundo, a cantora eleita como a Voz do Milênio teve uma vida apoteótica, intensa, que emocionou o mundo com sua voz, sua força e sua determinação. A amada e eterna Elza descansou, mas estará para sempre na história da música e em nossos corações e dos milhares fãs por todo mundo. Feita a vontade de Elza Soares, ela cantou até o fim

(Reprodução/Instagram @elzasoaresoficial)

Elza Gomes de Conceição nasceu em 23 de junho de 1930, no Rio de Janeiro. De família humilde, cresceu ao lado de dez irmãos na favela Moça Bonita, no bairro de Padre Miguel.

Eleita pela BBC de Londres como a cantora brasileira do milênio, em 1999, a artista teve uma vida difícil até mesmo após o sucesso, marcada por racismo, mortes e até mesmo fome em sua infância.

Aos 13 anos Elza já era mãe, aos 15 teve que ver seu segundo filho falecer, foi o primeiro dos cinco filhos da cantora que faleceram, alguns deles de fome. Além deles, ela ainda gerou outras quatro crianças.

Também aos 13 anos se apresentou escondida na TV Tupi, mal tinha roupas para usar e, ainda assim, foi motivo de chacota por parte do apresentador Ary Barroso. Após cantar, ouviu a frase: "Nasce hoje uma estrela", da boca do apresentador, mas infelizmente não era esse o destino que seus pais queriam.

Aos 20 anos, já cantora, dividia a profissão com outros trabalhos, como encaixotadora. Aos 21, o marido com quem casou aos 13, obrigada pelo pai, faleceu e a artista ficou viúva.

Os anos se passaram e Elza conheceu e casou-se com o jogador Garrincha, naquele momento a vida já havia dado muitas pancadas na cantora, mas muito ainda estava por vir. Na época em que se envolveu com Garrincha, o jogador deixou a esposa para ficar com a cantora, o país a chamava de "Vadia", os amigos do jogador a apelidaram de "bruxa" por não querer que ele bebesse para o proteger do alcoolismo. Foi, inclusive, um acidente de carro envolvendo o atleta que causou a morte da mãe de Elza.

Vítima de agressões em casa, a cantora viveu anos de pesadelo. Apenas mais uma das vezes em que a cantora enfrentou momentos de terror em sua vida.

Elza viveu 91 anos e podemos dizer que, além de uma grande cantora e enorme símbolo cultural, ela sempre foi uma verdadeira sobrevivente. Contrariou todas as estatísticas, se tornou uma das grandes rainhas do Samba e está eternizada em uma história que, apesar de ter seu ladro triste, também tem um legado grandioso para as novas gerações que vieram.

Foi cinco vezes indicada ao Grammy Latino, vencendo uma delas como o Melhor Álbum de Música Popular Brasileira, em 2016.

Nos últimos anos, já debilitada pela idade, Elza dava um show de talento e simpatia em suas poucas apresentações públicas, como no vídeo abaixo.

Hoje a música perde um de seus grandes nomes, o Brasil perde uma de suas grandes artistas, a cultura brasileira está mais pobre. Obrigado por tudo, Elza!

Tags: Elza SoaresSamba